sábado, 7 de julho de 2012

Desejo

Face, Rosto, Cara


DESEJO

queria escrever um verso
límpido claro transparente
como o reflexo da luz
numa lágrima cristalina
a descer pelo teu rosto


queria dizer um verso
forte robusto dilacerante
que cingisse as palavras
num voluptuoso amplexo
e te arrebatasse um beijo

Poema de André Benjamim.

Post-Scriptum: O meu romance registou as primeiras vendas em formato e-book. O meu obrigado aos corajosos compradores e (espero) futuros leitores.

2 comentários :

  1. Respostas
    1. Se te vieres a arrepender, não posso aceitar reclamações, ahahha! Abraço

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...