quarta-feira, 27 de junho de 2012

Procura-se um Pedro Almodóvar*

La Mala Educación, A Má Educação, Pedro Almodóvar
 
O Luís escreveu sobre o livro feito romance a partir de fragmentos e anotações:

La Mala Educación, A Má Educação, Pedro Almodóvar


«Em Nome do Desejo», «Má Educação» e «Os Cadernos Secretos de Sébastian» abordam — todos — a mesma problemática: a amizade extrema entre companheiros adolescentes que redunda em amor e explode em incontido desejo. O primeiro escreveu-o o brasileiro João Silvério Trevisan em 1983 (...); o segundo foi filme do espanhol Pedro Almodóvar (...); o terceiro é o primeiro livro publicado do português André Benjamim, encontrando-se à venda desde há quase um ano. Eu comprei-o e acabei de o ler há bem pouco tempo. É sobre ele que me venho manifestar, para aconselhar a leitura a quem o tema possa interessar.
(...) E Sébastian é a outra voz que se faz ouvir no romance. São duas histórias paralelas, que em certos momentos se encontram e noutros se separam: as memórias que André recolhe de apontamentos escritos na sua passagem pelo internato, os diários que Sébastian escreveu a partir dos seus 13 anos.
"Este romance é em grande parte uma reflexão sobre o modo como nos relacionamos uns com os outros, e com nós mesmos; sobre o modo como nos enganamos a nós próprios e aos outros... O que muitas vezes é quase natural, no sentido em que as trocas que estabelecemos uns com os outros estão sempre sujeitas ao equivoco... Há uma impossibilidade de comunicar, porque aquilo que para nós tem um significado, no Outro pode ter um significado completamente díspar... Gosto dos romances que são como laboratórios sociais, onde se testam hipóteses sobre como seria, ou como será, o relacionamento entre os seres humanos, se certas variáveis estiverem presentes..." disse-o o André a propósito do seu livro «Os Cadernos Secretos de Sébastian»

La Mala Educación, A Má Educação, Pedro Almodóvar

E sobre futebol, hoje isto é tudo o que tenho a dizer:

Observava com delícia o prazer com que aqueles corpos atléticos corriam atrás de uma bola gasta, quase a rebentar. E, de quando em quando, corria também para aquela esfera misteriosa que nos unia de uma forma transcendente, ignorando os nossos vícios e virtudes, méritos e defeitos, medos e desejos, unindo-nos num todo denso e uno, num todo aconchegante e suado; era provavelmente esse o prazer do futebol, não nos distinguia: no momento da vitória festejávamos todos com a mesma alegria e euforia; e no momento da derrota o desânimo e as lágrimas eram partilhados na mesma dor.


(Cena de Futebol, no filme A Má Educação)


Fragmento, de um livro feito romance a partir de fragmentos e anotações, e que são 5 histórias que se cruzam, mas que podiam ser apenas 1. O título original era «Morte na Madrugada», com o subtítulo «ou o eterno amanhecer», porque sempre gostei de subtítulos. Que dissessem o mesmo, o contrário, ou outra coisa qualquer.

O Romance «Os Cadernos Secretos de Sébastian» encontra-se à venda, em livro, na Amazon e na CreateSpace. Em formato e-book podem encontrá-lo na SmashWords, no iTunes, na Amazon, e noutras lojas online.


*Pena que o Pedro Almodóvar só realize filmes a partir de argumentos escritos por si mesmo...  

2 comentários :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...