quinta-feira, 8 de março de 2012

pequenas confissões #1

Quando leio em crónicas ou artigos, de jornais ou revistas, ou nos blogs, as listas de génios que surgiram publicados nos últimos dez ou quinze anos, antes de me desmanchar a rir, tremo. Mas esta gente não lê?

Génio? Neste momento
Cem mil cérebros se concebem em sonho génios como eu,
E a história não marcará, quem sabe?, nem um,
Nem haverá senão estrume de tantas conquistas futuras.

(Álvaro de Campos, in Tabacaria - Poesia de Álvaro de Campos, Assírio & Alvim, p. 321)

Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...