quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Se eu ganhasse os 162 Milhões de Euros...

Gato e Livros, Books and Cat

Já tenho os meus números registados, mas as senhoras e senhores do EuroMilhões têm a pontaria desafinada, e nunca conseguem acertar com eles. Se eu ganhasse o EuroMilhões comprava uma quinta isolada com um riacho ao fundo... onde pudesse ter os meus livros, uma máquina de escrever, um cão e um sótão... um perdigueiro... e a sombra de um salgueiro... um pôr-do-sol arroxeado... uma brisa estival... um pintassilgo e um pardal... e um horizonte prateado... 

E embora me tenha esquecido do gato quando escrevi o texto, claro que também arranjava um gato. Gostava muito de ter um gato, gostava muito de poder ter um gato, mesmo não ganhado o EuroMilhões, mas os sonhos andam todos cada vez mais caros, mesmo aqueles que parecem baratos.

Estava de manhã a ouvir as notícias, rodando entre os vários canais, que futebol... já não se aguenta tanto futebol, política idem, e então restam poucas notícias para ver; parei na TVI quando acabava a notícia sobre os 10 000 novos milionários (de acordo com o Crédit Suisse) que há em Portugal - quantos pobres são precisos, mesmo, para fazer um milionário? - e começava a notícia sobre o prémio do EuroMilhões da próxima sexta-feira, 17 de Outubro (não sei se é dia de azar em alguma parte do mundo). E diz a apresentadora, com uma seriedade à prova de qualquer ironia, algo do género: «e provavelmente o número dos novos milionários também se explica com os prémios do EuroMilhões...» Mais, informou que ontem 39 alminhas ganharam, em Portugal, quase 2000€...


Sim, provavelmente é isso, pensei, e nós somos todos idiotas, conclui...

Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...