domingo, 3 de agosto de 2014

Novo Banco BES - expliquem-me como se eu fosse muito burro!

Novo Banco, BES, Novo Banco Bes
Novo Banco BES, o BES bom, que o Bes mau vai dormir na rua com os sem-abrigo.


A palavra "nacionalização" foi banida do discurso oficial. O dinheiro público no BES deverá rondar os quatro mil milhões de euros. O Governo não quer sequer aparecer na fotografia. (Expresso)

O Estado vai injectar 4400 milhões de euros no BES, via Fundo de Resolução. O Banco Espírito Santo muda de nome para Novo Banco. Os outros bancos a operar em Portugal entram com 500 milhões. (Público)

Os cinco argumentos para resgatar o BES. (Económico)

Banco Bom, Banco Mau, Banco Novo. Esta Novílingua está cada vez mais infantil. Dói-Dói. Chupa-Chupa. Toma-Toma!

(Desastre) O Banco Bom, explicado pelo Banco de Portugal aqui. Amanhã passo no Banco Mau para ver se me concedem uns milhões de empréstimo; apresentar-me-ei como desconhecido. Entretanto, num piscar de olhos o site do BES (o BES-bom, o puro, o lado bom da força, o Dr. Jekyll cá do burgo, não confundir com o trapaceiro do BES-mau) já tem nova imagem, que o BES (o lado mau da força, o lado das trevas, o Mr. Hyde, o hediondo) não brinca em serviço. NOVO BANCO - Mais Forte e Mais Seguro (e Passos Coelho, e etc). No futuro escrever-se-ão contos, lendas, e fábulas com o banco bom e o banco mau.

2 comentários :

  1. Respostas
    1. Banco Bom, Banco Mau, Dói-Dói. Que nos tratem como burros tudo bem, que estes gajos já era para terem sido defenestrados há muito tempo; agora tratarem-nos como putos da pré-pré-primária, ou como débeis mentais...

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...