segunda-feira, 22 de outubro de 2012

A minha Vida numa Imagem, 4

Nighthawks, Edward Hopper
Nighthawks - Edward Hopper


Nighthawks é um quadro de 1942 que Edward Hopper começou a pintar após o ataque a Pearl Harbor, assim reza a lenda. Nighthawks é uma expressão que pode ser traduzida como «Falcões da Noite», e que designa pessoas que ficam acordadas até tarde. Os quadros de Hopper são atravessados por uma estranha solidão que quase nunca é solitária. Uma solidão quieta e resignada, sem os laivos de desespero ou angústia, que tantas vezes acompanham a solidão. Como o homem sentado ao balcão, costas viradas para quem observa o quadro, muitas vezes deambulei pelas ruas de cidades desertas para ir acabar assim, a pedir um café ou um whiskey duplo sem gelo ao balcão de um café. Cogito que talvez este homem espere sem esperar que chegue alguém, alguém que partiu há muito, ou alguém que nunca existiu. Imagino-o a puxar dum último e melancólico cigarro, a fumá-lo lenta e sofregamente até ao último trago, enquanto faz um discreto sinal ao empregado para que lhe diga quanto deve. Não tem pressa, espera que o empregado demore, para que a demora lhe ocupe mais alguns minutos dos seus muitos e longos minutos. Recebido o troco sairá para a rua, olhará uma última vez para o casal do outro lado do balcão, imaginando um casal feliz e, embora pressinta dolorosamente a melancolia que consome o casal, imaginará o quarto do hotel onde irão passar o resto da noite, enfastiados do sexo que lhes consumirá o resto das forças, e deixará os seus corpos extasiados sobre uma cama estéril dum quarto vazio. Sairá, tentado olhá-los mais uma vez, de soslaio, sem chegar a vê-los. Irá para casa pelo caminho mais distante.

4 comentários :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...